Blog

Sentir sono enquanto estuda é algo muito comum entre os concurseiros e vem sendo uma queixa muito comum e um problema que afeta de forma profunda a concentração e o rendimento do aluno.

Por isso, nesse novo artigo separamos algumas dicas essenciais que podem te ajudar a vencer o sono no momento do estudo. Confira!

  • Qualidade do sono

É essencial procurar melhorar a qualidade do seu sono, por isso, tente sempre eliminar qualquer ruído que possa atrapalhar, deixe o ambiente mais escuro possível e tente dormir sempre no mesmo horário.

Dessa forma é possível atingir o sono mais profundo, descansando por completo o corpo e a mente, diminuindo assim as chances de sentir sono durante o dia.

  • Horário

Estabelecer uma rotina de estudos é essencial para que o corpo se acostume e entenda que o momento é de concentração. Evite os horários que são logo após as refeições, já que o mesmo é quando a sonolência aumenta.

  • Local

Estudar na cama, sofá ou outro lugar que seja muito confortável deve ser evitado, já que os mesmos são um verdadeiro convite para tirar um cochilo. Sendo assim, procure sempre estudar na mesa.

  • Pausas

O nosso corpo não consegue realizar uma mesma atividade por diversas horas, por isso é essencial realizar pausas de 10 a 15 minutos dentro de um período de 1 ou no máximo 2 horas de estudo.


Porém, se você sente um sono extremo as dicas abaixo podem te ajudar:

  • Café

A cafeína ajuda a bloquear um componente químico no cérebro -o qual está associado ao sono- e é ótimo estimulante para manter-se acordado.

  • Água gelada

O frio faz contrair os vasos sanguíneos fazendo com que o coração acelere, aumentando a frequência cardíaca e consequentemente deixa a pessoa mais desperta. Por isso, se o sono estiver aumentando no momento dos estudos, procure molhar um pouco o rosto, nuca e punhos!


Essas são apenas algumas dicas que selecionamos para te ajudar a vencer o sono e estudar. Compartilhe conosco se você tem alguma dica especial!

Compartilhe:

Tags: dica de estudo, estudar

comentário(s)

Seja o primeiro a saber